TikTok com ou sem dancinha? Tendências e bons usos do TikTok no marketing político

Para utilizar o TikTok eu preciso fazer dancinhas? Imagino que essa seja a primeira pergunta que passa pela cabeça de profissionais e candidatos quando surge a ideia de utilizar essa rede. Calma, é possível sim criar conteúdos interessantes para o TikTok sem ter que recorrer às famosas dancinhas e eu vou te apresentar algumas tendências e bons usos do TikTok no marketing político.

Primeiro quero te dizer que eu não tenho nada contra a utilização das dancinhas nas redes, mas acho que é preciso ter cautela na hora de escolher seguir por esse caminho por um motivo muito simples: a linha entre o engraçado e o ridículo é muito tênue e o candidato precisa ter um perfil que combine com essa estratégia.

O TikTok como ferramenta política

No meu último artigo, contei sobre como utilizei o TikTok para reduzir uma rejeição que ultrapassava os 70% em uma campanha política. Talvez você esteja se perguntando: – mas Cláudia, você não colocou o seu candidato de quase 80 anos para fazer uma dancinha? Sim, coloquei. Nesse caso, a dancinha era uma contraposição necessária devido ao perfil duro do candidato. Além disso, um caminho precisou ser construído, junto com uma narrativa e, o mais importante, o desafio veio espontaneamente da audiência. Nesse mesmo artigo eu conto sobre as possibilidades que tínhamos e o caminho que optamos seguir para alcançar nosso objetivo, dentro de um planejamento.

O que eu quero te dizer com isso é que você pode sim seguir o caminho das dancinhas, mas essa não é a única opção. Se essa for a sua escolha, a minha sugestão é que você estude, teste e analise métricas e pesquisas antes de tomar qualquer decisão na comunicação política. Mas se você não é do time das dancinhas, vem comigo que eu vou te mostrar algumas tendências e bons usos do TikTok no marketing político, sem deixar a desejar nos quesitos criatividade e interação.

Mensagens fortes em tom descontraído

O TikTok ficou famoso pelas dancinhas. É notável o potencial viral que a rede tem, mas isso não quer dizer que assuntos sérios não possam ser divulgados, mesmo que em um tom mais descontraído. Na verdade, essa tem sido a grande tendência do uso da ferramenta por políticos.

Tendências e bons usos internacionais do TikTok no marketing político

Nos Estados Unidos, candidatos, congressistas e ativistas têm aproveitado todo o potencial viral da rede para divulgar suas ideias. O senador pela Georgia, Jon Ossof tem chamado a atenção dos internautas na rede. Ele tem mais de 9 mil curtidas e faz vídeos descontraídos sobre assuntos importantes, além de dublagens engraçadas.

@jon

Just introduced legislation to boost solar manufacturing in America 🇺🇸 trend: @jazzyfizzle_

♬ original sound – Funny Tiktoks

@jon

Anyone over the age of 16 is now eligible for the COVID-19 vaccine. Book your appointment now: vaccinefinder.org

♬ original sound – mark

 

Se engana quem pensa que apenas os políticos jovens têm espaço na rede, alguns políticos mais experientes têm apostado na plataforma para se comunicar com o público jovem e a estratégia tem dado certo. Esse é o caso do senador democrata por Massachusetts, Ed Markey. Aos 75 anos, o veterano tem mais de 45 mil seguidores e alguns de seus vídeos atingiram a marca de 500 mil visualizações. No geral, suas publicações são mais descontraídas, as que possuem o maior número de visualizações tratam de assuntos sérios, como mudança climática e posicionamentos do partido.

@ed_markey

you have to stop

♬ A Moment Apart – ODESZA – Hannah Stater

Tendências e bons usos nacionais do TikTok no marketing político

Assim como já vínhamos assistindo nos Estados Unidos, no Brasil o TikTok acabou virando também um espaço para a propagação de conteúdos políticos em tons descontraídos, principalmente para a comunicação com o público jovem. Por aqui, nomes como Randolfe Rodrigues, Marcelo Freixo, Manuela D’ávila, Requião Filho e Kim Kataguiri têm se destacado na rede.

Destes, quem acumula o maior número de curtidas, mais de 4,7 milhões, é a Manuela D’ávila. Os vídeos com o maior número de visualizações são de respostas a perguntas de internautas e vídeos com críticas ao presidente da República.

@manueladavila_

Responder a @monybritto0 🙂 #forabozo #foragenocida

♬ som original – Manuela d’Ávila

@manueladavila_

Ele se olhando no espelho #forabozo

♬ som original – Manuela d’Ávila

Entre essa lista, destaco como bom uso o canal do senador Randolfe Rodrigues, que, apesar de não ter o maior número de curtidas do grupo, consegue boas visualizações e tem investido na produção de conteúdo específica para o TikTok. O senador tem utilizado a rede para mostrar mais do seu dia a dia e vida pessoal, além de vídeos descontraídos sobre sua vida política.

@randolfe.rodrigues

Eu tô de 👀 em vocês! #bigode

♬ Monkeys Spinning Monkeys – Kevin MacLeod & Kevin The Monkey

@randolfe.rodrigues

#conheçaogrupo #foryou #foryoupage #pravoce #cpidacovid

♬ Dialed In – Clutch

Avalie e teste

As referências acima são exemplos de como políticos têm aproveitado o potencial do TikTok para se comunicar e se aproximar do eleitor mais jovem, mas ainda há um grande universo a ser explorado, com formatos e temas diferentes. Vale a pena avaliar e testar!

Claudia Guimarães

Cláudia Guimarães

Jornalista formada pela Universidade Federal da Bahia, pós-graduanda em Comunicação Governamental e Marketing Político pelo Instituto Brasileiro de Ensino, Desenvolvimento e Pesquisa (IDP), especializada em marketing digital, político e eleitoral. Atua em campanhas políticas desde 2015, com foco em estratégias digitais.

leia mais

Mais artigos do autor:

O TikTok Leia mais

14 de dezembro de 2021

Claudia Guimarães

Nesse artigo, eu te conto como o algoritmo do TikTok funciona e o que podemos aprender com isso. Leia o artigo completo.

Tendências e bons usos do TikTok no marketing político Leia mais

09 de dezembro de 2021

Claudia Guimarães

Um artigo sobre tendências e bons usos do TikTok no marketing político, que vão além das famosas dancinhas e dublagens. Leia o artigo completo

Artigos Relacionados:

conheça os melhores cursos de marketing político para candidatos Leia mais

20 de maio de 2022

Nataly Maier

Conheça os melhores cursos de marketing político para candidatos e prepare-se para os desafios eleitorais.

live-3-lados-impulsionamento-eleitoral-estratégia-marketing-politico-marcelo-vitorino-natalia-mendonça-gustavo-kanffer Leia mais

18 de fevereiro de 2022

Marcelo Vitorino

O impulsionamento eleitoral tem que ter 3 lados bem afiados e afinados entre si: técnico, jurídico e estratégico. Conheça-os!