Novos deputados e senadores recebem livros sobre comunicação digital

O processo eleitoral realizado em 2018 trouxe para a Câmara dos Deputados e o Senado as maiores taxas de renovação das últimas décadas. Em 2019, o Congresso passa a contar com uma a maioria de deputados federais e senadores ocupando pela primeira vez seus cargos.

No Senado, apenas 8 das 54 vagas em disputa serão ocupadas por candidatos que disputaram reeleição na votação deste domingo. Na Câmara, a ficou acima de 50% das cadeiras.

Para Marcelo Vitorino, consultor de marketing e comunicação política digital, esse resultado reflete transformações no contexto social brasileiro, cujos sinais já foram identificados em eleições anteriores.

“Em 2016 já alertava que com as mudanças na Reforma Política, tudo o que os candidatos sabiam já não valeria mais. Os candidatos que entenderam os novos paradigmas conseguiram se eleger. Outros, que preferiram manter a velha forma de se fazer campanha, alguns considerados figurões da política brasileira, ficaram sem cargos em 2019”, afirma Vitorino.

Novos eleitos recebem livros sobre comunicação política digital

Escrito para apoiar assessores e candidatos durante a campanha eleitoral 2018, o livro “Coisas que todo profissional que quer trabalhar com marketing político digital deveria saber”, de Marcelo Vitorino, também traz lições importantes para os novo políticos eleitos.

Pensando nesse público e nos desafios da política nacional, a empresa de consultoria Vitorino&Mendonça realizou a distribuição de exemplares aos Deputados Federais e Senadores.

Segundo o autor, uma premissa básica aos novos eleitos pode ser resumida em “’menos marketing e mais comunicação”. “O debate político de ideias e projetos acontece hoje, em boa parte, nos canais digitais, com a ampliação de cidadãos interessados em participar ativamente das ações políticas”, completa.

Maíra Moraes

Maíra Moraes

Coordenadora do MBA em Comunicação Governamental e Marketing Político no IDP-Brasília. Doutoranda em Comunicação e Sociedade na Universidade de Brasília (UnB), pesquisa a genealogia do conceito "fake news" buscando compreender os regimes de verdades construídos no contemporâneo. É gerente de projetos certificada PMP®, especializando-se na implementação de metodologias híbridas (presencial e a distância) de educação em redes públicas estaduais e municipais.

leia mais

Mais artigos do autor:

Leia mais

20 de abril de 2020

Maíra Moraes

Que tal aproveitar a onde de lives e transmissões ao vivo para aprender um pouco mais sobre comunicação e marketing político? Confira nossas recomendações!

Leia mais

28 de abril de 2020

Maíra Moraes

Weber é uma leitura fundante para o profissional de comunicação e marketing político. Você reconhece os conceitos no seu coditiano profissional?

Artigos Relacionados:

A reputação política é o caminho para uma campanha econômica e eficiente Leia mais

20 de outubro de 2021

Marcelo Facuri

Para fazer campanha eleitoral com pouco dinheiro e se eleger, o político precisa construir reputação junto ao eleitor, com base em um segmento social

storytelling comunicação politica Leia mais

23 de setembro de 2021

Fernanda Cornils

Mostre vulnerabilidade da forma correta e experimente um alto poder de engajamento nas redes sociais de políticos.