“A comunicação de governo tem que ser dialógica, jamais uma imposição vertical”

Na próxima quinta-feira (28/02), a Presença Online realiza o Seminário Comunicação Política 2019. O evento abordará aspectos da comunicação política para finalidade informativa relacionada a mandatos políticos, visando aproximar a sociedade civil das discussões e debate das pautas democráticas.

Abordando o tema Gestão de reputação política no mandato, Fábio Gomes, autor do livro Comunicação Dialógica e Reputação Eleitoral: o percurso gerativo do voto, será um dos palestrantes do Seminário e conversou como Marketing Político Hoje contando um pouco sobre sua abordagem.

Qual o tema de sua palestra e qual a relevância do tema para os participantes do Seminário Comunicação Política 2019?

O seminário retrata a questão da comunicação política e em mandatos, então o tema da minha palestra é sobre reputação política de mandatos. Vou apresentar alguns conceitos de reputação e a defesa de uma abordagem de reputação política que uso há 20 anos ,e as suas dimensões, que são elementos importantíssimos para se planejar a reputação política do mandato. Quais elementos devem ser gerenciados, isto é, quais elementos da comunicação política, no que tange à gestão da reputação política.

Para você, qual o futuro da comunicação política e de governo?

Desde os anos 50 a forma de comunicar vem se transformando. Em consequência, surgem muitas inovações e reformulações nas formas de comunicar e nas formas de pensar a comunicação. Mas eu acredito que o que se sustenta no tempo é a interação com os públicos. Você pode observar mudanças no jeito de comunicar, mas o conceito de interação com as pessoas, com os públicos, com os eleitores, com os cidadãos, esse conceito não se transforma. Ele deve ser adequado na sua forma de executar a comunicação, mas essa essência não deve ser perdida.

E a internet? Na sua opinião, qual o papel desse meio na comunicação política e governamental?

Internet é de fato o novo meio, o novo veículo nessas transformações sucessivas para acessar o eleitor, o cidadão. Então para alimentar essa essência, para usar, para fazer a manutenção e a construção da reputação política, da elaboração das estratégias da comunicação política, a internet nunca estará fora depois de todas essas inovações. Mas tendo sempre o cuidado de não abandonar o essencial com a adaptação da forma: a essência é a interação, jamais a imposição de uma comunicação vertical ou monológica.

Sempre no diálogo, isso que a internet deve exercitar. Esse é o pensamento fundamental para a pessoa que trabalha com a comunicação política.

 

 

Fábio Gomes é Diretor-Presidente e fundador do Instituto Informa em 1997. Sociólogo (UFJF), Mestre em Administração (FGV), Especialista em Comunicação Política (USP), Doutorando em Comunicação (PUC-SP). Autor do Livro: Comunicação Dialógica e Reputação Eleitoral: o percurso gerativo do voto
Membro da ESOMAR – European Society for Opinion and Marketing Research.

Maíra Moraes

Maíra Moraes

Flipboard

Doutoranda em Comunicação e Sociedade na Universidade de Brasília (UnB), pesquisa as relações de poder implicadas no processo de produção de notícias e como as realidades são construídas por meio de narrativas e práticas dominantes. É gerente de projetos certificada PMP®, especializando-se na implementação de metodologias híbridas (presencial e a distância) de educação em redes públicas estaduais e municipais.

leia mais

Mais artigos do autor:

curso-e-gov de marcelo vitorino Leia mais

06 de dezembro de 2017

Maíra Moraes

E-gov: como posicionar governos e instituições na internet, com Marcelo Vitorino, é o curso mais completo sobre o tema, agora disponível on-line.

marcelo-vitorino Leia mais

07 de março de 2018

Maíra Moraes

Especialista em marketing político digital, Marcelo Vitorino realiza aula aberta sobre democracia e fake news no Centro de Estudos Brasileiros da Universidade de Salamanca, na Espanha.

Artigos Relacionados:

imagem de um homem como um megafone para representar a mobilização política Leia mais

14 de maio de 2019

Fabricio Moser

Para as eleições de 2020, políticos e partidos deverão estabelecer desde já estratégias claras de mobilização para formação de suas próprias militâncias.

Leia mais

13 de maio de 2019

Avatar

Conheça Mariah Sampaio, coordenadora do movimento Elas no Poder, idealizadora e participante do seminário Campanha de Mulher. Confira nosso bate-papo!