A revolução da música na web

Para quem gosta de ouvir uma boa música e está sempre com dificuldade de encontrar nas rádios, alguns serviços prometem melhorar muito a sua vida. Tempos atrás você podia utilizar um serviço chamado Grooveshark, um grande repositório de música, mas tinha um pequeno problema: ele não pagava a licença para ninguém. Ele acabou sendo descontinuado por uma ação dos detentores de diretos das músicas.

Para quem ficou órfão da plataforma, opções não vão faltar. Hoje temos, por exemplo,  DeezerSpotify,  Apple Music e também  o Google Play. Todos são ferramentas de streaming de música. Inclusive prometem mais de 30 milhões de música no seu acervo.

Como você usa?

Todos têm aplicativo para celular e também têm sites. Quando você entra no Deezer, você escolhe as suas músicas preferidas, procura seus autores e monta suas listas, como por exemplo, gosto de ouvir algumas músicas durante o almoço, prefiro ouvir algumas músicas enquanto eu trabalho. Você vai no aplicativo, monta sua lista e a partir daí o serviço consegue lhe oferecer outras músicas, de outros artistas com base nas suas escolhas.

E quanto custa essa história?

Os primeiros 30 dias são gratuitos em quase todas as plataformas, com excessão da Apple Music que são 90 dias. Mensalmente, para acessar as músicas paga-se cerca de R$ 14,90, valor é muito próximo em todas as plataformas.

E uma coisa é muito bacana. Você não precisa estar conectado à internet para ouvir a música. Todos eles têm um sistema de música off line. Então em vez de você comprar um CD, como fazíamos antigamente, gastando entre R$ 30 e R$ 40, você paga R$ 14,90 por mês e pode usar tudo. Vale a pena para ter um acervo completo como os destas plataformas.

Quem é usuário da Apple, aposte o Apple Music. Vale a pena. Se não é, recomendo o Deezer. Foi o que eu gostei mais pela facilidade de encontrar as músicas e compartilhar com seu irmão, por exemplo, que também pode acrescentar outras músicas na lista. Você terá a oportunidade de conhecer novas músicas.

Marcelo Vitorino, Momento Conectado para a Rádio Boa Nova

 

Marcelo Vitorino

Marcelo Vitorino

Flipboard

Professor na ESPM e consultor de comunicação e marketing digital, reúne experiência no marketing corporativo, eleitoral, institucional e político. Costumo enviar conteúdos de comunicação e marketing político por WhatsApp. Caso queira receber, basta adicionar o meu número (61) 99815-6161 na sua lista de contatos e me mandar uma primeira mensagem com seu nome.

leia mais

Mais artigos do autor:

Como planejar uma campanha eleitoral na internet Leia mais

31 de janeiro de 2018

Marcelo Vitorino

Como planejar o uso da internet para campanha eleitoral? O Prof. Marcelo Vitorino lista os principais pontos do marketing digital eleitoral.

Mãos fazendo sinal de positivo e negativo representando as mudanças das eleições de vereador em 2020 Leia mais

19 de junho de 2019

Marcelo Vitorino

A reforma eleitoral de 2017 trouxe várias mudanças que afetarão diretamente candidatos aos cargos de prefeito e vereador em 2020. Confira as novas regras!

Artigos Relacionados:

doação para campanhas eleitorais municipais 2020 crowdfunding vaquinha virtual Leia mais

12 de maio de 2020

Maíra Moraes

Vai concorrer ou trabalhar nas eleições 2020? Saiba tudo sobre crowdfunding e arrecadação de doação para campanhas no evento do Guia do Marketing Político!

Leia mais

12 de maio de 2020

Alessandra Fedeski

Um político populista atua baseado em uma corrente política na qual um líder (teoricamente desprendido de partidos e instituições) representa o povo em uma suposta luta do nós (o povo) contra eles (uma elite poderosa).